Inkluziva anuncia vencedores da etapa da região Norte do campeonato nacional de xadrez que usa conceitos de Blockchain e Metaverso e premiará com NFT

Promovido pela fintech Inkluziva, competição roda o país para encontrar o melhor enxadrista do Brasil. Jogadores receberão um certificado de participação em NFT. Além disso, os ganhadores de cada região e da etapa final ganharão um NFT personalizado com o registro da última jogada da partida.

A Inkluziva, fintech social e educacional colaborativa baseada em redes descentralizadas e regenerativas, anuncia os nomes dos vencedores da etapa da região Norte do país de seu 1º Torneio Inkluziva de Xadrez Escolar. Participaram estudantes de 6 a 21 anos matriculados no sistema de ensino, em jogos realizados online na plataforma CHESS.COM. Foram 5 vencedores, que estão classificados para a final presencial que acontecerá em Brasília, dia 25 de novembro de 2023.

Entre os 70 inscritos para essa etapa, os atletas vencedores foram Arthur Paz de Miranda (8 anos, Palmas – TO), Leonardo Batista Oliveira Monteiro Costa (11 anos Palmas – TO) Adrian Ulrich Almeida Pereira (16 anos, Manaus – AM), Eduardo Barbosa Mesquita (18 anos, Manaus – AM) e Igor Felipe Teixeira de Souza (24 anos, Rio Branco – AC) serão os representantes da Região Norte nas categorias pré-mirim, pré-infantil, cadete, juvenil e adulto respectivamente.

O 1º Torneio Inkluziva de Xadrez Escolar ainda terá as etapas nas outras quatro regiões brasileiras a fim de encontrar o melhor jogador. Cada uma das próximas etapas regionais classificará mais cinco xadrezistas, e cada categoria classificará um atleta para a grande final. Como premiação, os jogadores ganharão NFTs com certificado de participação. Os colocados em primeiro lugar nas etapas regionais ganharão troféus que também serão entregues na grande final. Os vencedores finais levarão NFT personalizado com registro da última jogada da partida.

O objetivo da fintech Inkluziva com a competição é promover o jogo de xadrez no ambiente escolar como complemento ao processo de aprendizagem cognitiva, social e emocional. “Também buscamos contribuir para a melhoria do nível técnico do xadrez brasileiro, promovendo o intercâmbio cultural e social e Fomentar a prática do xadrez com fins educativos, de lazer, de saúde e de rendimento. Ainda acreditamos que esta será uma oportunidade de desenvolver o intercâmbio sociocultural e desportivo entre os participantes e suas comunidades”, explica Taynaah Reis, CEO da Inkluziva e a principal desenvolvedora dos produtos e soluções Inkluziva de educação baseadas em redes descentralizadas e regenerativas.

As inscrições podem ser feitas no site https://inkluziva.org/xadrez-escolar. Basta preencher o formulário e enviar a documentação solicitada (certidão de nascimento ou RG, comprovantes de endereço e matrícula em instituição de ensino). O regulamento completo pode ser acessado clicando aqui.

Calendário:

Nordeste – competição prevista para 17/6 – online

Sul – competição prevista para 15/7 – online

Sudeste – competição prevista para 16/9 – online

Centro Oeste – competição prevista para 4/11 – online

Etapa Nacional (Final) prevista para 25/11 em Brasília

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Scroll to Top
7 Jogos leves para celulares fracos (Android 1GB RAM / Mobile) Explorando a Nova Parceria: Belle Belinha e Kine-Chan Agitam as Redes Sociais Sabores Sem Glúten no Nikkey Palace Hotel Como funciona o sorteio da Loteria Federal, saiba como concorrer aos prêmios 12 Cidades para incluir numa viagem para a Tailândia  Projeto de Lei: Regulamentação da Inteligência Artificial Energia Renovável: NetApp e seu Compromisso Sustentável Mundo de Kaboo: Uma Jornada Encantadora pela Imaginação Aluguel de Brinquedos: Facilitrip Traz Novidades Para Viagens Familiares